Apresentação

Meu nome completo é Luiz Antonio Guimarães Cancello. Nasci no dia 23 de novembro de 1945, em Santos, SP, Brasil. De lá para cá, dei o costumeiro trabalho aos meus pais, fiz o Curso Primário no extinto Ateneu Progresso Brasileiro e o Ginásio no Colégio Canadá. Isso tudo se chama, hoje, de Primeiro Grau. Depois cursei o Científico, atual Segundo Grau, também no Canadá. Tive uma passagem de dois anos por uma Faculdade de Engenharia, mas acabei me tornando Psicólogo. Vivi a geração da Revolução Política e Social e a Contracultura; não consegui me decidir se seria hippie ou ativista da esquerda. Acabei sendo um pouco de cada.
Depois de algumas tentativas, firmei-me profissionalmente e casei-me. Tive dois filhos: Theo, nascido em 1980, e Daniel, em 1982. Aprendo violão desde os 12 anos. Minha mulher era psicóloga e cantora; o filho mais velho toca piano e completou a Faculdade de Música, além de compor. O mais novo é flautista e saxofonista e também compõe. Fizemos muita música juntos.
Durante as últimas décadas fui professor universitário, músico em bares noturnos, cheguei a ser psicólogo do elenco profissional do Santos Futebol Clube (em 1975!), trabalhei em hospital de doenças mentais, configurei e consertei computadores de parentes e amigos, estive durante três anos e meio no Departamento de Literatura e Publicações da Secretaria de Cultura de Santos (no governo da prefeita Telma de Souza, do PT), fui Sysop de BBS, fiz palestras num monte de lugares, até no estrangeiro!, além de manter em funcionamento meu consultório particular. Ganhei muita experiência e pouco dinheiro.
Para enganar a velhice, faço Pilates e musculação. Cada dia uma coisa, que ninguém é de ferro. Gostava muito de correr, mas hoje a coluna me desaconselha.
Desde criança li muito e, já adulto, tentei ser escritor. Continuo tentando. Além de diversos artigos em jornais e revistas, atrevi-me a publicar seis livros. E sou compositor bissexto. Continuo nesse rumo; os leitores e ouvintes julgarão se fiz bem.
Se você quiser ler, agora, um currículo formal, clique aqui.
Construí esta morada virtual para divulgar meu trabalho e conhecer gente. Terei muito prazer em trocar mensagens sobre os assuntos constantes desta página e sobre toda matéria de interesse cultural ou científico. Espero que dê certo.